Bolsonaro recebe convite e confirma que irá ao RS em março para a Expodireto

(Brasília - DF, 12/01/2021) Audiência com Deputado Sanderson (PSL-RS).
Foto: Marcos Corrêa/PR (Foto: Cotrijal/Divulgação)

 

Primeira no calendário deste ano entre as grandes exposições agropecuárias, a Expodireto Cotrijal terá a participação do presidente da República, Jair Bolsonaro. A confirmação foi anunciada no site oficial da feira pela Cotrijal, que organiza o evento em Não-Me-Toque (RS).

A 22ª edição está marcada entre os dias 1º e 5 de março. Em 2021, a feira abre o calendário de exposições do setor porque o Show Rural, em Cascavel (PR), que costuma ocorrer em fevereiro, foi adiado para fim de março pela Coopavel.

 

A confirmação da visita do presidente ocorreu, segundo a Cotrijal, após entrega do convite para o evento, na terça-feira (12/1), no Palácio do Planalto. Segundo o presidente da cooperativa, Nei César Mânica, Bolsonaro ainda receberá, um dia antes da abertura oficial, o Troféu Brasil Expodireto na categoria Liderança Nacional, pelo apoio ao agronegócio.

Em Brasília, a comitiva da feira gaúcha também entregou convite à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, que esteve em Não-Me-Toque na última edição e confirmou participação em 2021. Outro convidado foi o comandante do Exército Brasileiro, o general gaúcho Edson Leal Pujol.

Entrega do convite para a Expodireto Cotrijal para presidente e ministra da Agricultura (Foto: Cotrijal/Divulgação)

 

 

Edição híbrida

Em 2021, a Expodireto será realizado em formato híbrido, com atividades presenciais e on-line. Uma plataforma vai transmitir a programação da feira. Também haverá expositores virtuais, além da Arena Agrodigital, espaço para startups do agro que estreou em 2020.

Em novembro passado, o protocolo sanitário com normas, medidas e adequações na área do parque para a realização da feira foi entregue ao governo do Estado. Conforme a organização, algumas alterações já foram atendidas e a expectativa é de que o aval positivo seja publicado no Diário Oficial nesta semana.

 

Entre as medidas restritivas, estão a suspensão da área internacional e da visita de delegações estrangeiras. Além disso, os grandes eventos presenciais, como os fóruns, terão transmissão on-line e poucas pessoas nos auditórios.

Também estão previstas a segregação dos fluxos de entrada e saída, a instalação de totens de disponibilização de álcool em gel, a obrigatoriedade do uso de máscaras e distanciamento social, a higienização e desinfecção frequente de superfícies e áreas comuns e a ampliação do horário de funcionamento da praça de alimentação.