Destaques do dia: o que foi notícia nesta terça-feira (6/7)

Destaques do Dia (Foto: Estúdio de Criação)

 

Boa noite! Confira os destaques desta terça-feira (6/7)

Bancada Ruralista
sérgio-souza-fpa (Foto: Divulgação/FPA)

 

A Frente Parlamentar Agropecuária (FPA) manifestou, nesta terça-feira (6/7), apoio ao pedido de urgência na análise do projeto de lei 2.633/2020, que trata da regularização fundiária no Brasil. A proposta é de autoria do deputado Zé Silva (SD-MG), integrante do colegiado de parlamentares ligados ao setor agropecuário.

Também nesta terça-feira (6/7), o presidente da Frente Parlamentar Agropecuária, deputado Sérgio Souza (MDB-PR) manifestou preocupação com o projeto de lei 2.337/2021, a segunda etapa da proposta de reforma tributária. Segundo ele, o projeto pode aumentar a tributação sobre o agronegócio.

Meio ambiente
Joaquim Álvaro Pereira Leite, novo ministro do Meio Ambiente do governo de Jair Bolsonaro (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

 

Há pouco mais de dez dias à frente do Ministério do Meio Ambiente, Joaquim Álvaro Pereira Leite herda a responsabilidade de tirar do papel o apoio financeiro dos Estados Unidos para combater o desmatamento na Amazônia.

A sinalização vinda do presidente norte-americano Joe Biden não avançou, mesmo depois da Cúpula do Clima, reflexo de uma imagem desgastada do ex-ministro Ricardo Salles e, mais ainda, da forma como a política ambiental do Brasil tem se desdobrado nos últimos anos.

Exportação de milho
milho paranaguá (Foto: Claudio Neves/APPA)

 

As exportações brasileiras de milho devem atingir 2,37 milhões de toneladas em julho, uma expressiva queda ante 5,1 milhões de toneladas do mesmo mês de 2020, o primeiro com entrada mais significativa do cereal da segunda safra, mostraram dados da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec) nesta terça-feira. O resultado vem na esteira de um atraso na “safrinha” e quebra na produção de milho motivada por seca e geadas em alguns dos principais Estados produtores.

Safra do Paraná
Colheita de milho em lavouras do Paraná (Foto: Secretaria de Agricultura do Paraná/Divulgação)

 

As condições das lavouras de milho do Paraná se deterioraram mais após as geadas da semana passada, e agora 42% das plantações estão avaliadas como “ruins”, versus 33% qualificadas assim antes do impacto do frio intenso, de acordo com dados publicados nesta terça-feira pelo Departamento de Economia Rural (Deral).

O órgão do governo do Paraná, tradicionalmente o segundo produtor de milho do Brasil, também apontou que 46% das lavouras estão em condição “média”, versus 41% na semana anterior. Em boas condições o Deral classificou apenas 12% das áreas, ante 26% na semana anterior.

Etanol

Os levantamentos de preços realizados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea-Esalq/USP) mostram que, na semana passada o indicador do etanol hidratado fechou em R$ 2,8339/litro, registrando alta de 1,01% frente ao período anterior.
No caso do etanol anidro, a variação foi negativa, mas de apenas 0,22%, com o indicador cotado a R$ 3,2467/litro.

Frango para a China

Sem novas habilitações de unidades frigoríficas pelos chineses desde o início da pandemia, o Brasil perde oportunidades e ainda enfrenta forte concorrência dos Estados Unidos, avaliou nesta terça-feira um executivo da BRF, maior exportadora global de frango. “Tomara que consigamos avançar neste tema. A resposta mais prática para a pergunta é que perdemos oportunidades”, disse o gerente-executivo de Relações Institucionais da BRF, Luiz Tavares, ao comentar questão sobre a ausência de habilitações de novas unidades brasileiras.

Carne bovina
carne abiec (Foto: Divulgação)

 

As exportações brasileiras de carne bovina registraram incremento de 9,7% no mês de junho em comparação a maio, de acordo com os dados divulgados pela Secretária de Comércio Exterior (Secex) e compilados pela Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec). Foram embarcadas 164.332 mil toneladas de carne bovina em junho ante 149.850 toneladas em maio. Em receita, o aumento foi de 15,2%, passando de US$ 725,2 milhões para US$ 835,1 milhões.

Crédito Rural

Com o encerramento do Plano Safra 2020/2021 no último dia 30 de junho, produtores rurais e cooperativas de crédito contrataram R$ 271,5 bilhões no crédito rural oficial, aumento de 27% em relação ao período anterior.

Nesse montante, foram incluídas as aquisições de CPR (Cédula do Produto Rural) e operações com agroindústria. Os dados são do Balanço de Financiamento Agropecuário da Safra 2020/2021, divulgado nesta terça-feira (6/7) pelo Ministério da Agricultura.

Fogo no Pantanal
Foto mostra jacaré morto na região da Estrada Transpantaneira, no Mato Grosso (Foto: Ailton Lara/Acervo pessoal)

 

Atolado na lama, o jacaré não se mexe mais. Sinal de que faltou água para sobreviver. O período de seca mal começou no Pantanal e a falta d’água combinada com os focos de incêndio já são o pesadelo da população local, que, no ano passado, viu 26% do bioma pegar fogo, além da perda da biodiversidade.

Sem água, a dúvida que fica é como será o combate aos incêndios nos próximos meses, já que, mesmo no período proibitivo das queimadas, estão acontecendo. É o que mostram os dados do Programa Queimadas, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Foram 464 focos de calor registrados ao longo deste ano, 20% entre 28 de junho e 4 de julho.