OIC eleva previsão de superávit de café no ciclo 2020/2021

A Organização Internacional do Café (OIC) elevou sua previsão de superávit global de café em 2020/21, de 2,02 milhões para 2,26 milhões de sacas de 60 quilos. Em relatório, a entidade reduziu levemente sua estimativa de produção, de 169,60 milhões para 169,496 milhões de sacas. A projeção representa aumento de 0,3% ante a temporada anterior.

Plantação de café (Foto: REUTERS/Amanda Perobelli)

 

 

Já a previsão de consumo mundial foi reduzida de 167,58 milhões para 167,235 milhões de sacas, o que corresponde a uma alta de 1,9% em relação a 2019/20.Segundo a OIC, o balanço de oferta e demanda deve ficar apertado em 2020/21, com a oferta superando a demanda em apenas 1,35%. Em 2019/20, a produção foi 3,2% maior do que o consumo. Para 2021/22, a organização prevê um déficit global, refletindo uma menor produção em muitos países exportadores.